Dermatologia Clínica

Micose

As micoses superficiais da pele, em alguns casos chamadas de “tineas”, são infecções causadas por fungos que atingem a pele, as unhas e os cabelos. A queratina, substância encontrada na superfície cutânea, unhas e cabelos, é o “alimento” para estes fungos. Quando encontram condições favoráveis ao seu crescimento, como: calor, umidade, baixa de imunidade ou uso de antibióticos sistêmicos por longo prazo (alteram o equilíbrio da pele), estes fungos se reproduzem e passam então a causar a doença.  O tratamento vai depender do tipo de micose e deve ser determinado pelo dermatologista. Podem ser usadas medicações locais sob a forma de cremes, loções e talcos ou medicações via oral, dependendo da intensidade do quadro. O tratamento das micoses é sempre prolongado e a persistência é fundamental para se obter sucesso nestes casos.